Abaixo-assinado pela volta de ‘Chaves’ tem 20 mil assinaturas em 2 dias

- Anúncio -

Ao longo de décadas, o programa humorístico Chaves e Chapolin vem sendo exibido pelo SBT desde 1984, mas com o anúncio de que deixará de ser exibido e passou a não fazer mais parte da programação, desde o último sábado (01/8), fãs de mobilizaram para ter o programa de volta.

O SBT divulgou um comunicado, em que anunciou o fim da exibição de Chaves e Chapolin, após anos sendo um dos programas mais assistidos. O público gosta de assistir, mesmo tendo muitas reprises, para os fãs, o mais importante é que o humorístico permaneça no ar, porém, o SBT foi notificado pela Televisa avisando sobre a suspensão: ” é devido a um problema pendente a ser resolvido com o titular dos direitos das histórias”.

Indignados com essa notícia, fãs começaram um abaixo-assinado, pedindo que a situação seja resolvida o quanto antes, pois querem ter o programa de volta. Em apenas 2 dias, as assinaturas passaram de 20 mil.

- Anúncio -

Por um tempo, a Amazon Prime Video e o canal Multishow, chegaram a exibir Chaves e Chapolin, mas diante do comunicado da Televisa, nem essas emissoras podem manter o programa  na grade de exibição.

“Com esse impasse, não teremos mais as séries em exibição em nenhum outro local pela primeira vez em 36 anos. Uma história de enorme sucesso interrompida por uma disputa de bastidores, em que o maior prejudicado é o fã, limitado de poder acompanhar suas séries preferidas”, disseram os fãs neste trecho do manifesto.

A viúva Florinda Meza, 71 anos, foi casada com o criador do personagem, falecido em 2014, Roberto Bolaños. Ela se pronunciou por meio das redes sociais sobre a suspensão da exibição do programa no Brasil, deixando claro que não participou dessa decisão e nem foi chamada para dialogar.

“Além disso, vai contra seus próprios interesses comerciais, porque, neste momento, queremos ver tudo que nos faça lembrar de um mundo que foi melhor.’Chespírito’ já é um programa cultuado. É parte do DNA dos latinos, e que levamos em nossa memória genética. pretender eliminá-lo do nada é uma medida pouco inteligente”, escreveu ela.

- Anúncio -
Ver essa foto no Instagram

¿Qué opino de que se deje de transmitir el programa Chespirito? Aunque no tengo nada que ver porque inexplicablemente no he sido convocada a las negociaciones, creo que justo ahora, cuando el mundo más necesita diversión, hacer eso es una agresión hacia la gente. Además, va en contra de sus propios intereses comerciales, porque en este momento queremos ver todo aquello que nos recuerde un mundo que fue mejor. Chespirito ya es un programa de culto. Es parte del ADN de los latinos, lo llevamos en la memoria genética. Pretender eliminarlo de tajo es una medida poco inteligente. Es triste comprobar cómo en tu propia casa, a la que le has dado millones de dólares, es dónde menos te valoran. Nunca pensé que me llegara a suceder, pero por primera vez encuentro una razón para decir ¡qué bueno que mi Rober no está en este mundo! Este acto incomprensible patea su recuerdo y lo que él más respetó: al público. Tal vez algunos ejecutivos sin visión lo quieren borrar, pero en el corazón y la memoria de los buenos que siempre lo han seguido, estará más vivo que nunca. ¿Verdad que sí? #quevuelvaChespirito #Chespiritoesnuestro #labonitavecindadvirtual

Uma publicação compartilhada por Florinda Meza (@florindamezach1) em 1 de Ago, 2020 às 7:38 PDT

Créditos: https://veja.abril.com.br/entretenimento/abaixo-assinado-pela-volta-de-chaves-tem-20-mil-assinaturas-em-2-dias/

- Anúncio -

Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Qual sua opinião?



Written by Silvia Cardoso Souza

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Chances de pegar covid em casa é cinco vezes maior, dizem cientistas

“Tive que ser adulta por eles”, diz jovem de 21 anos que cuida dos cinco irmãos mais novos desde que os pais morreram