Abusada pelo pai, menina de 13 anos morre após parto

Na última quarta-feira (11), uma menina de 13 anos morreu após ter um parto prematuro de uma gestação de 5 meses e meio.

O próprio pai da menina a estuprava há cerca de 3 anos, e desses abusos ela engravidou.

Tomé da Silva Faba, de 36 anos, está foragido . O caso aconteceu em uma comunidade rural de Coari, no Amazonas.

A mãe e a tia da menina só descobriram os abusos quando o corpo dela começou a mudar pela gestação e então ela acabou contando.

Ela era ameaçada pelo homem a não contar dos abusos a ninguém, e ele a levava para longe da aldeia onde moravam para praticar os abusos.

A tia contou que algumas pessoas já desconfiavam da atitude do homem que levava a filha quando ia pescar ou caçar, as a mãe negava e ainda de acordo com a tia, a mulher teria mando  a marido fugir do local depois que a menina morreu.

O titular do DIP de Coari, delegado José Afonso Barradas, informou que um mandado de prisão cautelar preventiva em nome do suspeito já foi expedido pela Justiça e a equipe de investigação está em busca de Tomé. 

“Estamos à procura do homem e pedimos a colaboração da imprensa e da população para a divulgação da imagem dele”, disse Barradas.

O bebê está internado na UTI neonatal do Hospital Regional do município.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇

Written by Professora Marta S. Carvalho

Professora Marta de Ciências Sociais na faculdade Paulista em São Paulo e Jornalista de paixão.

Confeiteira doa bolo para criança e mãe reclama: “dê algo que preste”

Menino de 8 anos tira própria vida após escola encobrir bullying que ele sofria; vídeo