Criança sofre perfuração no intestino após cair em CEU de SP

Um acidente que poderia ter sido evitado perfurou o intestino de uma criança no Centro Educacional Unificado (CEU) do Jardim Paulistano, na Zona Norte de São Paulo, se os ganchos não tivessem sido instalados no lugar onde deveria ter um corrimão, a menina de 8 anos não teria caído no CEU.

Segundo informações da Secretaria de Educação, foi solicitado e realizado o reparo no local em que a criança se acidentou na terça-feira 27/08.

Conforme publicação no G1, a aluna Anny Beatriz Amorim da Costa estava se dirigindo para a sala onde teria aula de educação física no momento em que caiu em cima da peça que tem forma de gancho. Essa peça fica fixada na parede e tem como função a sustentação do corrimão.

A direção entrou em contato com o pai de Anny para informar que a criança estava ferida no CEU. Ela foi levada para atendimento no Hospital do Mandaqui, onde ficou constatado no diagnóstico que ela sofreu perfuração no intestino.

Foi necessário submeter a criança a um procedimento cirúrgico de reconstrução intestinal. Ela precisará ficar internada para os médicos acompanhara recuperação, que é delicada, por isso a equipe médica ainda não tem previsão de alta, o estado de saúde é estável, segundo a Secretaria de Saúde informou.

Lamentando o ocorrido, a Secretaria Municipal de Educação se manifestou em nota; “Os primeiros socorros foram prestados imediatamente após o ocorrido”, em outro trecho do texto informa; “O acompanhamento da aluna está sendo feito pela coordenadora do CEU e todo apoio necessário está sendo prestado à família.”

Ambiente escolar, especialmente quando tem educação infantil, não pode ter objetos que representam riscos, como aconteceu com a menina. Se o corrimão estivesse no lugar ou se os ganchos tivessem sido retirados quando o corrimão precisou de reparo, esse tipo de acidente teria sido evitado. Agora é preciso aguardar a recuperação da criança e saber qual será o próximo passo da família em relação ao CEU.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇

Written by Marina Souza

Olaa pessoal! Sou a Marina, amo escrever sobre maternidade, família e noticias de ultima hora, com intenção de colaborar com a sociedade e a família. Amo meus filhos e tenho uma gatinha preguiçosa. Ah ja ia me esquecendo, sou blogueira ha 12 anos.

Conhecidas como “bombas de oxigênio” estas plantas são essenciais em sua casa.

Grávida?! Thaís Fersoza fala sobre suposto teste de gravidez!