Menino de dois anos entra em coma alcoólico

- Anúncio -

O menino entrou em coma alcoólico após ter ingerido bebida da mãe.

Crianças devem ser mantidas longe de bebida alcoólica, mas quando os pais bebem essa tarefa não é muito simples, porém, o melhor a ser feto para evitar situações como essa é não se descuidar do copo ou garrafa, basta alguns segundos para a criança pegar o recipiente e levar à boca. Essa rápida ação pode ser altamente perigosa, como foi para o menino de apenas 2 anos de idade.

A mãe estava sentada com uma amiga, de frente para casa, na calçada conversando, elas beberam cachaça, pouco depois a mãe deixou o menino dentro de casa, ele estava sozinho quando ingeriu a bebida alcoólica. Mãe da criança e a amiga saíram, quando a mulher voltou para casa, o filho estava desacordado.

- Anúncio -

Policiais estavam passando perto da casa, a mãe correu até eles pedindo ajuda para o filho desmaiado. Eles pegaram o menino, fizeram o atendimento prestando os primeiros socorros, pois nesses casos todo minuto é preciso para salvar a vida. Em seguida a criança foi encaminhada ao atendimento de emergência no hospital.

- Anúncio -

O susto foi grande para a mãe, mas graças a ação rápida dos policiais, o menino sobreviveu e está internado, porém já se recuperando do coma alcoólico.

Por conta do estado grave que o menino ficou, com risco de morrer, a mãe foi presa e deverá responder por negligência, abandono de incapaz e facilitação de bebida alcoólica à criança. A tia do bebê ficará responsável pela guarda da criança.

A mãe foi entrevistada pelo SBT e disse; “Não dei bebida para meu filho, jamais eu dou bebida para o meu filho. Eu estava bebendo com uma colega minha desde 10 horas da manhã, ai eu fiz o almoço e ai quando eu voltei para casa ele estava desmaiado. Agradeço a Deus que socorreram meu filho. Ele pegou a garrafa em cima da calçada porque eu esqueci de pegar. Eu nunca dei bebida para meu filho. Eu sou o pai e a mãe dele”.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Qual sua opinião?



Written by Silvia Cardoso Souza

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Gato terá guarda compartilhada após separação de casal, decide Justiça

Maioria dos avós mantem remédios em locais que netos conseguem acessar, diz estudo