Pais de bebê que caiu do 11º andar do cruzeiro quebram o silêncio

A fatalidade que aconteceu com essa família, deixou toda a mídia tensa e as empresas responsáveis por cruzeiros preocupados com a segurança.

Após a fatalidade do acidente em que uma bebê caiu do colo do avô, de uma altura equivalente a uma janela de um prédio do 11ª andar, a família quebrou o silêncio e desabafou a tristeza.

A menina Chloe Wiegand estava com 18 meses de vida quando aconteceu o fatal acidente. Quando ela caiu, o avô estava tentando apoiá-la em uma das janelas, sendo que, a janela era de vidro, mas estava aberta, diferente do que o avô pensou, para ele estava fechada, então a queda da neta foi imediata, não tendo ele tempo para impedir que o pior acontecesse.

Salvatore Anello é o avô da pequena Chloe e ontem, 22/07, os pais foram entrevistados pelo canal norte-americano Today. Eles estão convictos que o avô não teve culpa, a morte da filha foi acidental, confira parte da entrevista de Kimberly e Alan:

“O Salvatore jamais colocaria nossos filhos em perigo. Ele está acabado, você mal consegue olhar para ele sem chorar. Chloe era a melhor amiga dele. Nós obviamente culpamos a empresa do cruzeiro, eles poderiam ter feito um monte de coisas para deixar o local mais seguro. Quem deixa apenas uma janela de vidro aberta em meio a uma parede de janelas de vidro fechadas? E sem nenhum tipo de proteção justamente na área das crianças? A resposta deles foi: precisávamos de ventilação”, disse a mãe e prosseguiu.

“Quando me falaram que a Chloe tinha morrido, eu não sabia que ela tinha caído da janela. Eu só vi o Sam parado em frente a várias janelas de vidro e gritando. Eu só conseguia dizer: ‘me leve para a minha filha. Onde está minha filha?’. Perder um filho desse jeito é incompreensível. É terrível. Eu não quero que nenhuma outra mãe passe pelo que eu passei”.

Os pais da bebê Chloe Wiegand desabafaram sobre o que aconteceu com a filha

Os pais da bebê que caiu do 11º andar de um cruzeiro quebraram o silêncio e concederam sua primeira entrevista sobre o terrível acontecimento. A pequena Chloe Wiegand de 18 meses estava no colo de seu avô Salvatore Anello quando foi se apoiar no que eles pensavam ser uma janela de vidro fechada. Contudo, a janela estava aberta e a pequena acabou caindo. Ela não resistiu a queda.

O triste caso ocorreu no início do mês de julho e nesta segunda-feira (22/07), os pais Kimberly e Alan concederam sua primeira entrevista.

A mãe também falou sobre o momento em que soube que a filha havia falecido. “Quando me falaram que a Chloe tinha morrido, eu não sabia que ela tinha caído da janela. Eu só vi o Sam parado em frente a várias janelas de vidro e gritando. Eu só conseguia dizer: ‘me leve para a minha filha. Onde está minha filha?’. Perder um filho desse jeito é incompreensível. É terrível. Eu não quero que nenhuma outra mãe passe pelo que eu passei”.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇

Written by Marina Souza

Olaa pessoal! Sou a Marina, amo escrever sobre maternidade, família e noticias de ultima hora, com intenção de colaborar com a sociedade e a família. Amo meus filhos e tenho uma gatinha preguiçosa. Ah ja ia me esquecendo, sou blogueira ha 12 anos.

Menino de 4 anos vê a avó ser decapitada pela tia em casa

Mulher contrai DST após ser traída por namorado que conheceu no Tinder