Sobrinho que arrancou coração da tia tenta matar detento em viatura

Foto: reprodução
- Anúncio -

Um crime bizarro e da maior crueldade que aconteceu e voltou a ser notícia nessa última quarta-feira, 17/7, mas não pelo crime de homicídio cometido do sobrinho contra a tia, ele tentou matar outra vez dentro da prisão.

No início do mês, o agora detento, Lumar Costa da Silva, 28 anos, matou e retirou o coração da própria tia de 55 anos, Zélia da Silva Cosmos. O acusado demonstrou frieza e assustou moradores da região com pela crueldade.

Na prisão, Lumar foi encontrado tentando matar outro detento de 19 anos por enforcamento, ele estava sendo transferido para a penitenciária Dr. Osvaldo Florentino Leite Ferreira em Sinop, que fica a cerca de 500 quilômetros de Cuiabá. A transferência do preso foi autorizada para deixar o Centro de Ressocialização de Sorriso (CRS).

- Anúncio -

Um agente penitenciário ouviu gritos de alguém pedido socorro, o som estava sendo emitido do camburão, então o agente abriu a porta para saber o que poderia estar causando os gritos e se deparou com a cena em que Lunar, o sobrinho que assassinou a tia, estava fazendo. Ele tentava matar o outro presidiário por enforcamento. Segundo o autor da tentativa de homicídio, o motivo foi um desentendimento simples.

- Anúncio -

Não foi emitida informação se o preso será mantido na mesma cela do jovem que Lumar tentou matar ou se ficará em unidade separada. O que se sabe quanto aos crimes cometidos é que o assassino da tia poderá responder por quatro crimes, dentre eles o mais brutal por ter arrancado o coração da tia, com chances de pegar pena de 12 a 30 anos.

O criminoso também tentou provocar uma explosão na subestação de energia local, ele invadiu com essa intenção. Outra acusação é a de ter roubado uma prima e ainda a obrigou a entregar o carro e a quantia de R$ 800,00.

O Delegado do caso comentou; “A pena pode chegar a 40, 50 anos de cadeia. Agora cabe ao Ministério Público analisar o inquérito. Se entenderem que está pronto para oferecer denúncia, será encaminhado ao Judiciário, caso contrário, se ficar entendido que faltam provas, volta para a delegacia e nós prosseguimos com as investigações”.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Qual sua opinião?



Written by Silvia Cardoso Souza

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Confira fotos que irão fazer você pensar duas vezes antes de ir nadar

Gabriel Brenno tinha caso com mulher de acusado; veja mensagens!