Veja entrevista exclusiva com os pais do sequestrador do ônibus no RJ

Foto: reprodução
- Anúncio -

Os pais do jovem que no dia 20/0 sequestrou um ônibus na 20/08 na Ponte Rio Niterói, falaram com exclusividade sobre a perda do filho e como estão vivendo agora, lidando com o luto da perda do filho, Willian Augusto da Silva. A entrevista foi realizada pelo programa da Record, “Domingo Espetacular”.

O casal recebeu a equipe de reportagem em casa para contar a versão deles. Quem primeiro falou foi a mãe do sequestrador, Renata Paula da Silva.

A mãe contou que na noite anterior ao seqeestro do ônibus, Willian não dormiu em casa, estava na casa da avó, ele chegou a telefonar por volta das 23:00 horas avisando a mãe que não voltaria para casa naquele dia. Mas como coração de mãe sente o que pode acontecer com um filho, antes mesmo que aconteça, ela disse na entrevista que não conseguiu dormir bem naquela noite, tinha a impressão que algo de ruim estava para acontecer com o filho, ela também observou que Willian estava com a voz diferente, parecia angustiado.

- Anúncio -
- Anúncio -

A mãe disse que não costuma assistir TV de madrugada, mas no dia do sequestro ela ligou a televisão pouco depois das 5:00 horas da manhã, a primeira notícia que viu foi a o ônibus na ponte. A mãe contou que sentiu uma espécie de aperto no peito. Foi então que Renata sentou no sofá com o marido, ficaram surpresos no momento em que o sequestrador apareceu na porta do ônibus, imediatamente a mãe reconheceu o filho. Às seis da manhã a mãe estava entrando na delegacia, ela queria pedir para ser levada até o filho na intenção de conversar para ele desistir do sequestro.

Os pais não sabem dizer exatamente o motivo de o filho ter tomado aquela atitude, a mãe só sabe que o sequestrador havia dito que estava insatisfeito com o Governo, mas ele não deu detalhes. Os pais pedem desculpas às vítimas

Para José Rinaldo da Silva, o pai, Willian teria dito que, com a atual política não tinha mais esperança de conseguir emprego, mas afirmaram que o filho não era violento e que era muito quieto. Os pais disseram que o jovem estava com depressão, sofrendo com problemas.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Qual sua opinião?



Written by Silvia Cardoso Souza

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Irmã de sequestrador de ônibus faz desabafo emocionado no Facebook

Thaeme desabafa após sua bebê passar por problema: “que dó!”